SOBRE     |     FALE CONOSCO

GERAL

Violência em SFI: jovem assassinado e menor ferido a tiros em SFI

Crime aconteceu na manhã desta quinta-feira; PM prendeu suspeito, que confessou o crime

POSTADO EM 20/06/2019 11:04:00 POR: VNOTÍCIA
Jovem Lucas morto a tiros e arma que teria sido usada no crime
Jovem Lucas morto a tiros e arma que teria sido usada no crime

 

Um homicídio e uma tentativa de homicídio foram registrados em São Francisco de Itabapoana na manhã desta quinta-feira, 20. O crime aconteceu próximo à localidade de Aroeira, Zona Rural do Município, por volta das 7h40.

 

As vítimas são Lucas Marins de Souza, 19 anos, que morreu com pelo menos dois tiros na cabeça e J.L.G.C., 16 anos, que foi baleado e socorrido para o Hospital Ferreira Machado.

 

Segundo apurou o VNOTÍCIA, a Polícia Militar já prendeu um suspeito, um homem de inicial E., 43 anos, que confessou o crime. Ele apresentou um revólver com numeração raspada, que pode ter sido a arma usada no crime. A motivação seria a revolta que ele estaria, após arrombamentos e furtos terem sido praticados em sua propriedade. A Polícia vai investigar para saber se as vítimas baleadas tiveram alguma participação nos arrombamentos e furtos. O homem detido não tinha passagens pela Polícia. Ele foi preso em flagrante pelo homicídio e tentativa de homicídio. 

 

Os rapazes alvejados estavam juntos numa estrada vicinal, quase na chegada de Aroeira, vindo de Estreito. Lucas, que era natural de Niterói, mas morava no município de São Francisco de Itabapoana, estava de bicicleta; enquanto e J.L.G.C. estava à cavalo e mora em Macuco.

 

Lucas foi baleado na cabeça. Quando o Resgate Municipal chegou ao local, ele ainda estava com vida, agonizando. Já o menor baleado estava lúcido. Ambos foram levados para o Hospital Municipal Manoel Carola.

 

Quando a ambulância deu entrada em Ponto de Cacimbas, Lucas já chegou sem vida. A segunda vítima, encaminhada imediatamente para o Hospital Ferreira Machado, foi atingido por três tiros, sendo um no abdômen, um no braço e um de raspão na mão. Seu estado de saúde inspira cuidados.

 

Os caso foi registrado para investigação na 147ª Delegacia Legal de SFI, para onde foi levado o suspeito.

 

Leia mais em GERAL