ESRJ Fale Conosco Anuncie Terça-feira, 27 de fevereiro de 2024

Política

Bolsonaro passa bem após realizar cirurgias, diz equipe

Ex-presidente realizou correções no sistema digestivo e respiratório; operações se deram com ?tranquilidade?.

12/09/2023 às 10h06

 

O ex-presidente Jair Bolsonaro (PL), 68 anos, passou por duas cirurgias na manhã desta 3ª feira (12.set.2023), no hospital Vila Nova Star, em São Paulo. Segundo seu assessor, Fabio Wajngarten, os procedimentos “transcorreram dentro da maior tranquilidade”. Bolsonaro deu entrada no centro cirúrgico pouco antes das 5h desta 3ª feira.

 

Às 8h12, o ex-presidente estava na sala de recuperação. Ele passou pelos seguintes procedimentos: correção de hérnia de hiato: operação no estômago para tratar o refluxo; desvio de septo: operação no nariz para melhorar a condição respiratória e correção de hérnia de hiato: operação no estômago para tratar o refluxo; desvio de septo: operação no nariz para melhorar a condição respiratória.

 

Segundo o boletim médico (íntegra -173 KB), as cirurgias transcorreram “de forma satisfatória, sem intercorrências e o paciente já se encontra em recuperação no quarto”.  Num 1º momento, Wajngarten havia dito que Bolsonaro passaria nesta 3ª apenas por uma correção de uma hérnia de hiato no estômago e do desvio de septo no nariz. Em 23 de agosto, Bolsonaro passou pelo mesmo hospital de São Paulo para realizar exames de rotina, para avaliar sua condição clínica, “principalmente no sistema digestivo, tráfego intestinal, aderências, hérnia abdominal e refluxo”.

 

HISTÓRICO

 

Desde que sofreu o atentado durante um ato de campanha pelas eleições presidenciais de 2018, em Juiz de Fora (MG), Bolsonaro foi internado várias vezes. Na ocasião, ele foi esfaqueado e teve o intestino perfurado. Desde então, o ex-presidente realizou ao menos 8 cirurgias e foi diagnosticado com covid-19.

 

Ao todo,  4 procedimentos tiveram relação com o ferimento na barriga. Em julho de 2021, o ex-presidente apresentou soluços persistentes e foi internado depois de ser diagnosticado com suboclusão intestinal.

 

Oclusão é uma obstrução, quando a alimentação e as secreções não conseguem progredir pelo tubo digestivo. No caso do ex-presidente, o termo “suboclusão” indica que há uma obstrução parcial. A suboclusão é uma oclusão incompleta.

 

FONTE: Poder 360

Últimas

+
BUSCAR POR DATA
DESENVOLVIDO POR JEAN MORAES